PUBLICIDADE:

ComunicArt

Você conhece a história do #MalucodoCartaz?

Tudo começou na internet, quando Rodrigo Scarpa, o Repórter Vesgo do programa Pânico na Band encontrou uma figura pelo centro da cidade de São Paulo e resolveu compartilhar seu video. Devido a Copa do Mundo, nossas cidades ficaram “forradas” de turistas, então o comentário de que a ele seria um gringo foi aceito de forma natural. Planejado ou não, o primeiro video foi este:

Após isso, eles resolveram leva-lo ao programa. Como foi “difícil” de encontra-lo, os integrantes começaram a campanha para procurar o tal do maluco. No instagram milhares de pessoas publicavam fotos usando a tag #malucodocartaz, até o PC Siqueira o encontrou pela cidade e fotografou o momento. O viral ficou por duas semana na boca do povo e o programa humorístico fez mais uma matéria para o assunto render nas redes.

Até que no domingo veio a grande surpresa, Daniel Tessler estaria presente no programa do Pânico. Coincidentemente, o novo comercial da Renault foi ao ar. Até que então as pessoas começaram a ligar os pontos e perceber que todo aquele lance e aquela história contada não passava de uma jogada de marketing para promover o comercial. O maluco nunca existiu e muito menos é gringo, ele é músico, natural do Rio Grande do Sul e tem uma banda em São Paulo.

Esse tipo de história envolve e engana o público, pois acaba sendo uma propaganda disfarçada. Quase uma publicidade gratuita… Seria esta então, uma nova forma de propagar? Uma saída para assuntos e produtos chatos de se vender? Não sei, mas dessa vez deu certo!

Confira o comercial:

Ficha Técnica do Comercial:
Título: “Apocalipse”
Produto: Renault Sandero
Anunciante: Renault
Agência: NEOGAMA/BBH
Criação: Isabella Paulelli e Daniel Poletto
Direção de Criação: Alexandre Gama e Márcio Ribas
Direção Geral de Criação: Alexandre Gama
Produtora: Rebolución
Direção: Rodrigo García Saiz e Arturo Querzoli
Produtora de Áudio: A9 Áudio
Música: Living La Vida Loca/ Rick Martin

Sobre Bruno Bardella

Visualizar todos os posts

Diretor de arte, motion design e jogador de poker nas horas vagas. Em 2012, Bruno fundou o blog ComunicArt e desde então, dedica seu tempo com o galinho.

Você pode gostar desta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



PUBLICIDADE:
Parceiros